Saude de A a Z

Constipação ou Alergia?

A constipação e a alergia são doenças claramente distintas mas que frequentemente se confundem.

A constipação é uma doença infecciosa causada por um vírus, sendo o mais frequente o rinovírus. Como tal, os antibióticos - medicamentos utilizados para eliminar bactérias - não têm qualquer utilidade no seu tratamento. Cursa frequentemente com sintomas gerais: febre (pouco frequente), dores de cabeça, sensação de opressão nasal; e com sintomas respiratórios altos: dor de garganta ou dor ao engolir, secreções nasal anteriores ou pingo no nariz, espirros, e comichão nos olhos. O diagnóstico é iminentemente clínico e não exige exames complementares de diagnóstico.

As defesas do nosso organismo acabam por conter a infecção, podendo esta ter uma duração de até 11 dias.

O seu tratamento consiste essencialmente no alivio dos sintomas, podendo ser necessário prescrever alguns fármacos, mas o mais importante é o repouso e a hidratação oral. 

A alergia é um termo que designa uma reacção exagerada do organismo a determinado estímulo - o denominado alergénio. Não traduz uma única doença, mas um conjunto de doenças que se podem manifestar de diversas formas, desde manifestações respiratórias até manifestações na pele ou em qualquer parte do corpo. Os alergénios mais frequentemente envolvidos em reacções alérgicas são os ácaros do pó doméstico, os pêlos dos animais domésticos, o pólen, os alimentos, os detergentes e alguns medicamentos.

A constipação é por vezes confundida com a rinite alérgica. A rinite alérgica é uma doença crónica na qual existe uma reacção inflamatória crónica da mucosa nasal, frequentemente agravada pela exposição a determinados agentes (alergénios). As suas manifestações clínicas mais frequentes são os espirros, a secreções nasais de consistência aquosa, a congestão nasal, a comichão ocular/palato e o lacrimejo ocular excessivo. Estes sintomas surgem na sequência da exposição a grandes quantidades de pó, exposição a pólen no ar, inalação de vapores de detergentes, entre outros. Apesar de não apresentar por si perigo para o doente, pode causar importantes limitações na qualidade de vida, pelo que o seu diagnóstico e tratamento apropriado são fundamentais. O diagnóstico é baseado em elementos clínicos, existindo alguns exames auxiliares de diagnóstico que podem identificar o(s) agente(s) responsável pela inflamação e assim permitir um tratamento dirigido/optimizado. O seu tratamento apropriado implica a identificação e evitar exposição do agente despoletante, anti-inflamatórios tópicos e/ou sistémicos, anti-histamínicos e eventualmente dessensibilização farmacológica.


Como distinguir se tenho uma constipação ou uma alergia?

A constipação surge frequentemente no Outono/Inverno, após o contacto com pessoas também doentes e transmite-se pela via aérea ou pelas mãos, em casa, no local de trabalho ou até em transportes públicos. Existem algumas medidas simples que podem ajudar a prevenir a doença: lavar frequentemente as mãos, evitar o contacto mão-nariz ou mão-olhos, arejar as divisões e espirrar/tossir para o antebraço (e assim diminuir ao máximo os vírus em suspensão no ar).

A rinite alérgica surge frequentemente após a exposição a um agente, que poderá ser conhecido ou desconhecido pelo doente. Estas sintomas podem estar intensificado nos períodos de mudança das estações, especialmente na primavera e no outono, mas frequentemente manifesta-se ao longo de todo o ano. Frequentemente os doentes não diagnosticados têm a sensação de estarem constipados muitas vezes por ano. O seu correto diagnóstico e tratamento são fundamentais para a melhoria da qualidade de vida dos doentes. Por outro lado, a Asma - doença inflamatória respiratória - está frequentemente associada à Rinite Alérgica, sendo por isso crucial a sua correta identificação.


Se apresenta este sintomas procure o seu Médico miMed. Estamos disponíveis 7 dias por semana, das 8h às 22h!